Pub

A primeira parte teve poucos motivos de interesse, o jogo candidatava-se ao título de pior da época no Estádio José Arcanjo. Uma oportunidade de golo para cada parte, aos 20’ para a Naval, por intermédio de Michel Simplício, após a cobrança rápida de um livre que deixou a defensiva da casa sem reacção. Aos 45’, Jorge Gonçalves isola-se e permite a defesa incompleta de Salin. A bola sobra para Ismaily, que remata sem convicção para as mãos do guardião da Naval 1.º de Maio.
Daúto Faquirá e Carlos Mozer fizeram alterações ao intervalo e o espectáculo ficou a ganhar. As equipas entraram mais determinadas mas o primeiro golo só apareceu aos 68’, por Bruno Moraes, aposta do treinador da Naval para a 2.ª parte. Antes, aos 61’, Djalmir isolou-se, e quando se preparava para empurrar a bola para a baliza de Salin, terá sido tocado por Gómis, o que provocou a sua queda na área. O árbitro entendeu que o avançado brasileiro simulou e mostrou-lhe o cartão amarelo. Aos 71’, Bruno Moraes bisou, o que dificultou, ainda mais, a tarefa dos algarvios. Djalmir ainda reduziu para 2-1 nos descontos mas Edivaldo Bolívia, no minuto seguinte, fez o terceiro golo dos visitantes.
A vitória da Naval é justa, Mozer arriscou e a eficácia da sua equipa, na segunda parte, fez o resto. O Olhanense continua o ciclo de derrotas, consequência das exibições menos conseguidas que tem vindo a realizar. Começa a urgir a necessidade de a equipa dar a volta à situação, pois é preciso evitar qualquer percalço que possa pôr em causa a manutenção na Liga Zon Sagres.

LIGA ZON SAGRES – 25.ª Jornada
Estádio José Arcanjo – Olhão – 3 de Abril de 2011
SPORTING CLUBE OLHANENSE
1 – Bruno Veríssimo
2 – Anselmo
5 – Maurício
7 – Ismaily
11 – Djalmir
13 – Carlos Fernandes
16 – Rui Duarte
19 – Jorge Gonçalves
27 – Suárez
35 – William Tiero
65 – Fernando
SUPLENTES
12 – Oblak
8 – Delson
14 – Cadu
17 – Adilson
20 – Dady
21 – Carvajal
99 – Yontcha

Treinador – Dauto Faquirá

ASSOCIAÇÃO NAVAL 1.º MAIO
17 – Salin
5 – Curto
7 – Carlitos
9 – Michel
11 – Edvaldo
13 – João Real
23 – Tiago Rosa
25 – Godemeche
26 – Gómis
28 – Fábio Júnior
77 – Marinho
SUPLENTES
24 – Bruno
16 – Godinho
19 – Previtáli
20 – João Pedro
30 – Giuliano
91 – Rogério
99 – Bruno Morais

Treinador – Carloz Mozer

Árbitro – Marco Ferreira

Momentos do Jogo
1.ª Parte
7’ – Confusão na área do Olhanense após corte deficiente de Maurício no meio-campo. Canto para a Naval, sem perigo.
8’ – Lance duvidoso na área da Naval, a bola parece ter sido cortada com o braço, o árbitro nada assinala.
12’ – Remate de Márinho, por cima da barra.
13’ – Cartão amarelo para Anselmo.
14’ – Livre para a Naval, jogada ensaiada, Márinho remata fraco para a defesa fácil de Bruno Veríssimo.
20’ – Livre marcado rapidamente, Michel isola-se, mas Veríssimo defende.
24’ – Djalmir desmarca Ismaily, mas Salin antecipa-se.
29’ – Djalmir investe pela esquerda, Gómis cede canto.
30’ – Remate de Rui Duarte, por cima da barra.
31’ – Veríssimo é pressionado a colocar a bola para canto. Na sequência, remate de Godemeche, por cima da barra.
39’ – Márinho cruza da direita e Edivaldo, de cabeça, a rematar para fora.
44’ – O Olhanense esteve muito perto do golo. Gonçalves surge na direita, Salin defende para o centro da área e Ismaily remata fraco para as mãos do guardião da equipa visitante.

2.ª Parte
46’ – Substituição na Naval, saiu Fábio Júnior, entrou Bruno Morais; no Olhanense saiu Carlos Fernandes, entrou Dady.
49’ – Rui Duarte passa para Jorge Gonçalves e este cruza da esquerda para Djalmir, que remata forte para o corte da defesa adversária. Fernando Alexandre, na recarga, remata muito por cima.
50’ – Edivaldo surge em boa posição na área do Olhanense mas remata fraco para a defesa de Veríssimo.
51’ – Rui Duarte coloca a bola em Jorge Gonçalves, que remata fraco para as mãos de Salin.
56’ – Remate de Curto, ao lado da baliza de Veríssimo.
57’ – Cartão amarelo para Jorge Gonçalves.
60’ – Remate de Tiero, de fora da área, à figura de Salin.
61’ – Djalmir desmarca-se, prepara-se para fazer o golo e é tocado por Gómis. O árbitro entende que Djalmir simulou e mostra-lhe o cartão amarelo.
62’ – Jogada perigosa na área do Olhanense, Veríssimo não afasta a bola e Carlitos não consegue emendar para golo.
68’ – GOLO da Naval, Márinho cruza, Edivaldo cabeceia e, na recarga, em cima da linha, Bruno Moraes remata para o primeiro golo do jogo.
69’ – Substituição na Naval, saiu Michel, entrou João Pedro.
71’ – GOLO da Naval, cruzamento da direita e Bruno Moraes faz o segundo golo da Naval.
73’ – Substituição no Olhanense, saiu Tiero, entrou Cadú.
76’ – Cartão amarelo para Márinho.
78’ – Substituição na Naval, saiu Godemeche, entrou Giuliano.
81’ – Substituição no Olhanense, saiu Suárez, entrou Carvajal.
84’ – Márinho falha o terceiro golo. A defesa do Olhanense pára e o avançado da Naval aparece sozinho na área, rematando para fora.
87’ – Remate de Maurício, à figura de Salin.
88’ – Cartão amarelo para Bruno Morais.
91’ – A Naval esteve muito perto do terceiro golo mas Bruno Veríssimo faz uma defesa extraordinária.
92’ – Cartão amarelo para Giuliano.
92’ – GOLO de DJALMIR. O avançado brasileiro cabeceia para o fundo das redes de Salin.
93’ – Golo da Naval. Edivaldo Bolívia entra na área, ganha espaço para o remate e carimba a vitória dos visitantes.

Abel Ramos
Pub