Pub

“Para grandes resultados, são necessárias grandes ambições. Nós temos essas ambições, sabendo que vai ser difícil. Para conseguir grandes coisas, não basta só planear, mas também é preciso acreditar, não basta agir, também é preciso sonhar”, disse Daúto Faquirá, na antevisão da partida.

O treinador do emblema de Olhão mostra-se confiante num bom resultado: “Reservamo-nos o direito de pensar que podemos ir a Braga fazer um bom jogo e trazer pontos”.

É essa a mensagem que Faquirá tem passado no balneário, “em função também do que tem sido” o trajecto algarvio.

“Partimos sempre com a meta de trazer o melhor resultado possível, a vitória. Mas, tal como já disse em relação a outros jogos, e falando de forma muito pragmática, se não for possível ganhar, se for possível trazer um ponto, também será importante”, ressalvou.

Com sete jornadas realizadas, o Olhanense está neste momento no terceiro lugar, com 12 pontos, mais um do que o vice campeão nacional, atual sexto classificado, uma situação a que Daúto Faquirá não dá muita expressão.

“Esse dado tem a importância que tem. Estamos à frente, mas o Sporting de Braga tem uma equipa e todo um enquadramento que difere do nosso e lhe confere mais responsabilidades em termos de classificação final”, referiu.

Para o treinador do Olhanense, “essa realidade é um momento”, acrescentando: “O mais importante é estarmos com 12 pontos, o nos dá um conforto para os nossos objetivos no campeonato".

Daúto Faquirá considerou benéfica a paragem de duas semanas no campeonato, pois permitiu recuperar alguns jogadores, nomeadamente Paulo Sérgio e Adilson, enquanto Fernando Alexandre, Delson e Nuno Piloto são baixas certas para o duelo de sábado.

“Foi importante por isso e também porque tivemos a Taça de Portugal e conseguimos ultrapassar a eliminatória com o Sertanense [5-4 no desempate por grandes penalidades, depois de 0-0 após prolongamento] com essas limitações, mantendo o rendimento desportivo”, considerou.

O Sporting de Braga recebe o Olhanense no sábado, no Estádio Axa, às 21:15, num jogo que será arbitrado por Artur Soares Dias (Porto).

Lusa

Pub