Pub

© Mira/CML
© Mira/CML

A Câmara de Loulé recebeu 33 propostas no âmbito do primeiro Orçamento Participativo do concelho, para o qual está reservado meio milhão de euros, anunciou ontem o executivo.

As propostas entregues em 11 sessões públicas incluem projetos de criação de parques infantis, de lazer, de merendas e geriátricos, a criação de novos espaços verdes e equipamentos públicos, a requalificação de equipamentos culturais, históricos, associativos e educativos e a recuperação de açudes, levadas e caminhos pedonais, entre outros, explicou a câmara em comunidade.

O Orçamento Participativo entra agora em fase de avaliação técnica das propostas e os munícipes vão voltar a ser chamados a participar em setembro, quando as propostas entrarem na fase de votação final.

“As sessões contaram com a participação de 465 cidadãos, os quais selecionaram em cada sessão do Orçamento Participativo as três propostas que consideraram prioritárias para cada uma das freguesias”, lê-se no comunicado.

Pub