Breves
Inicio | Sociedade | Paróquia de Messines recebeu a luz da campanha “10 Milhões de Estrelas”

Paróquia de Messines recebeu a luz da campanha “10 Milhões de Estrelas”

© Samuel Mendonça
© Samuel Mendonça

A paróquia de São Bartolomeu de Messines recebeu na segunda-feira a “Luz da Paz” da campanha “Dez Milhões de Estrelas – Um Gesto pela Paz” por ser a comunidade que este ano acolhe a manifestação pública no Algarve daquela iniciativa promovida pela Cáritas.

No final da missa da solenidade da Imaculada Conceição de Nossa Senhora, o presidente da Caritas Diocesana do Algarve, Carlos Oliveira, entregou o círio ao bispo do Algarve, D. Manuel Quintas, que, por sua vez, o entregou aos representantes daquela comunidade paroquial.

© Samuel Mendonça
© Samuel Mendonça

A vela, cuja entrega simbólica foi feita a todas as dioceses portuguesas no dia 16 do mês passado em Fátima, estará presente na manifestação que se realizará no dia 20 deste mês em São Bartolomeu de Messines, que inclui a “Marcha da Paz” com início às 21h na igreja do Santuário de Nossa Senhora da Saúde, seguindo para a igreja matriz, onde terá lugar a sessão com a intervenção do bispo do Algarve, D. Manuel Quintas, e do presidente da Cáritas Diocesana, Carlos Oliveira, após a qual terá lugar um momento cultural com o grupo musical “Santa Maria”.

Na celebração de segunda-feira, a irmã Cristina Novo, da direção da Cáritas algarvia, explicou que o gesto de entrega da “Luz da Paz” “dá o arranque à operação que é também um gesto de comunhão de todas as comunidades paroquiais” da diocese algarvia. “A vela que hoje entregamos à comunidade paroquial de São Bartolomeu de Messines é um sinal e um instrumento: sinal da luz de Cristo que quer iluminar toda a humanidade e instrumento que facilite a partilha de bens com os mais pobres”, acrescentou.

© Samuel Mendonça
© Samuel Mendonça

A campanha de Natal da Cáritas incide este ano no combate à pobreza infantil e também na ajuda à população do Médio Oriente. Assim, das receitas conseguidas com a venda de velas, 65% destinam-se a apoiar crianças algarvias em situação de pobreza e este apoio irá centrar-se na área da saúde, concretamente, no pagamento de consultas médicas e no dentista, de aparelhos auditivos e óculos, entre outras necessidades. “Ajudando estas crianças estamos a ajudar as famílias que vivem numa situação de pobreza pelos motivos da crise que tarda em acabar”, frisou a irmã Cristina Novo.

Os restantes 35% serão canalizados para um projeto internacional de apoio à população do Médio Oriente.

A Cáritas convida ainda cada português a acender na noite de 24 de dezembro, véspera de Natal, a vela adquirida e a colocá-la à janela de casa. O gesto “é denúncia à opulência de milhões de luzes que se acendem mas que não iluminam nem aquecem os corações”, explicou a irmã Cristina Novo.

© Samuel Mendonça
© Samuel Mendonça

As velas estão à venda em diversas escolas do país, nas Cáritas Diocesanas e paróquias e também em estabelecimentos comerciais que se associaram à iniciativa, à imagem do que tem sucedido nos últimos anos, e podem ser adquiridas a um preço unitário de um euro ou quatro euros (pack de quatro velas).

A operação ‘10 Milhões de Estrelas – Um Gesto pela Paz’ é uma iniciativa solidária que nasceu em França e que começou a ser promovida em Portugal em 2001, tendo como principal objetivo incentivar a sociedade civil, os cidadãos, a contribuírem para a melhoria das condições de vida de pessoas e povos desfavorecidos, atingidos por fenómenos como a pobreza, a guerra, as catástrofes naturais, as desigualdades sociais.

A campanha tem lugar durante o Advento (tempo litúrgico que precede o Natal no calendário católico) e é concretizada através de manifestações públicas de natureza religiosa, cívica, cultural e artística desenvolvidas pela Cáritas Portuguesa e pelas Cáritas Diocesanas.

Verifique também

Homem detido em Loulé por suspeita de abuso sexual de criança

Um homem foi detido na sexta-feira por ser suspeito de ter abusado sexualmente de uma …

Folha do Domingo

GRÁTIS
BAIXAR