Pub

© Luís Forra/Lusa
© Luís Forra/Lusa/arquivo

A proteção civil municipal de Portimão instalou hoje na antiga escola primária da Senhora do Verde, zona rural no limite do concelho, uma equipa de primeira intervenção para acorrer com “maior prontidão” ao combate aos fogos florestais.

“Nesta zona rural de floresta onde o combate ao fogo é sempre difícil, ao termos equipas avançadas pode ser determinante para que uma ignição não se transforme num grande incêndio”, disse à agência Lusa Isilda Gomes, presidente da Câmara de Portimão e responsável pela proteção civil municipal.

O designado Destacamento Sazonal da Senhora do Verde é composto por 10 elementos, cinco dos bombeiros e outros tantos dos sapadores florestais, e duas viaturas, uma das quais um carro de combate a incêndios dos Bombeiros Voluntários de Portimão.

A equipa de primeira intervenção fica instalada na antiga escola primária da Senhora do Verde, no limite dos concelhos de Portimão e de Monchique, durante a designada “Fase Charlie” de combate aos incêndios florestais, prevista na Diretiva Operacional Nacional do Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Florestais (DECIF).

“É preciso aproveitar os recursos que temos e juntar o útil ao agradável. Isto é, dar vida a esta antiga escola de uma forma extremamente positiva que é a colocação de uma equipa para atacar imediatamente qualquer foco de incêndio”, sublinhou Isilda Gomes.

A autarca manifestou-se preocupada com a ocorrência de eventuais fogos florestais durante o verão “devido à acumulação de uma grande quantidade de biomassa nos terrenos, que é o condimento necessário e determinante para que os incêndios se propaguem com uma velocidade extraordinária”.

Na opinião de Isilda Gomes, a primeira intervenção “é fundamental, daí o posicionamento deste dispositivo numa zona rural e propícia a ignições, para que a resposta seja imediata e o combate seja muito mais rápido”.

A mesma opinião é partilhada pelo comandante operacional de proteção civil, que considera a localização da Unidade Estratégica de Prevenção uma medida “eficaz de combate, encurtando em cerca de 10 minutos a resposta em caso de fogo”.

“Este destacamento sazonal fica instalado numa das áreas mais vulneráveis a norte do concelho de Portimão, reduzindo o tempo do ataque inicial”, sublinhou Richard Marques.

O Destacamento Sazonal da Senhora do Verde funcionará entre as 13:00 e as 19:00, até ao dia 30 de setembro.

Pub