Pub

A efeméride, que se celebra oficialmente dia 27 de abril, corresponde a “um marco histórico” no clube, segundo o presidente da equipa de Olhão, Isidoro Sousa, que quer um “centenário à altura da instituição”, que neste momento movimenta mais de 350 atletas em quatro modalidades (futebol, boxe, dança e ginástica).

“Vamos promover várias ações durante esta e a próxima época desportiva, para celebrarmos a data com significado e dando uma imagem de grandeza do clube”, disse o dirigente algarvio.

No próximo sábado, 21 de abril, decorre a visita à casa onde foi feita a reunião que deu origem à fundação do clube, seguindo-se uma romaria aos cemitérios locais, homenageando as figuras já desaparecidas.

Uma semana depois, dia 28, decorre um jantar/gala num hotel da cidade, o qual contará com a presença do Presidente da República e do secretário de Estado do Desporto, Alexandre Mestre, entre outros responsáveis locais, regionais e nacionais.

Ainda nesse dia, antes da gala, será reinaugurada, pelo chefe de Estado, conhecido simpatizante e sócio honorário do Olhanense, a sala de troféus do clube, situada no estádio, a qual foi totalmente remodelada.

A edição de um “livro do centenário”, em que estará detalhado todo o passado do clube, e de um DVD com entrevistas a várias figuras do clube e mostrando de forma diferente a história do clube, também estão incluídas no lote de iniciativas.

As comemorações do centenário do Olhanense incluem ainda a inauguração de um campo sintético para o futebol juvenil, situado no topo sul do Estádio José Arcanjo, e a abertura de uma loja do clube num centro comercial de Olhão.

Em termos desportivos, além de vários torneios de camadas jovens, na próxima pré-época decorrerá um jogo entre os veteranos do Olhanense e do Tottenham, de Inglaterra, estando ainda em cima da mesa a possibilidade de realização de um Torneio do Centenário, com equipas de nomeada.

Liliana Lourencinho com Lusa

Pub