Pub

“Estamos concentrados em criar rotinas. Temos pouco tempo para trabalhar e estes nove dias vão ser muito bons para nos entrosarmos como equipa. Os desafios que aí vêm vão ser muito importantes”, disse o extremo Diogo Viana, após o segundo treino desta concentração, realizado hoje de manhã.

Já o médio André Almeida preferiu salientar que a equipa "tem de trabalhar forte na preparação e melhorar as rotinas",frisando ainda: "Aquilo que o ‘mister’ nos tem pedido é para nos prepararmos bem para a fase de qualificação”.

A seleção portuguesa estagia numa unidade hoteleira de Almancil, no concelho de Loulé, estando agendados confrontos com a Alemanha, na terça-feira, em Portimão, e com a Áustria, na próxima sexta-feira, no Estádio Algarve.

Estes encontros de preparação visam o arranque da fase de qualificação para o campeonato da Europa de sub-21, em setembro, com Portugal a deslocar-se à Moldova, em jogo da primeira ronda do grupo 6, que integra ainda Rússia, Polónia e Albânia.

“Estes jogos são importantes, porque vão ajudar a preparar a fase de qualificação, onde vamos ter pela frente um grupo forte. São os melhores jogadores do nosso escalão e vamos ter de trabalhar todos os dias para superar cada etapa”, sublinhou André Almeida.

O médio ligado ao clube do Restelo desvalorizou o facto de o final da época poder prejudicar o grupo em termos de motivação, relembrando que a “motivação é sempre alta quando um jogador chega à seleção”.

Já Diogo Viana, que esteve emprestado pelo FC Porto ao Desportivo das Aves na segunda metade da época, depois de ter começado a temporada no Venlo (Holanda), afirmou-se satisfeito por jogar no Algarve, de onde é natural.

“É sempre um momento especial jogar aqui, sendo de Lagos, tal como o Diogo Amado [também presente no estágio], mas neste momento a seleção é mais importante e é nisso que me foco”, adiantou.

O extremo espera casa cheia nos dois jogos de preparação: “Esperamos que o público esteja presente. Além dos muitos turistas que já devem estar por cá, tenho amigos que já me disseram que vão estar presentes. Espero uma boa casa”.

A seleção portuguesa (à qual se deverá juntar nos próximos dias o central Pedro Mendes, cujo clube, o Servette, da Suíça, ainda se encontra em competição) volta ao trabalho ainda hoje, às 17:00, mantendo o ritmo de treinos bidiários durante o fim de semana.

Lusa

Pub