Pub

Tempestade_mar_carvoeiro
Carvoeiro

O Algarve foi fustigado ao final da tarde de ontem e início desta noite pelo mau tempo e por forte ondulação marítima, sobretudo nas zonas de Sagres, Ferragudo, Portimão, Carvoeiro, Armação de Pêra e Quarteira.

Em Portimão, os prejuízos materiais verificaram-se na zona da Praia da Rocha, nomeadamente na área desportiva, na piscina do NoSolo Café, apoios de praia e o próprio areal da chamada praia da Marina de Portimão, tendo ainda se verificado a inundação de alguns acessos, entre outros estragos.

Na praia do Carvoeiro, as ondas gigantes colocaram também algumas casas e carros em perigo.
A Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) emitiu ontem um aviso à população alertando para a possibilidade de esta noite poderem registar-se ondas com 15 metros na costa sul e 16 metros na costa ocidental norte e centro de Portugal continental.

Portimão
Portimão

Num comunicado divulgado ao final da tarde na sua página na Internet, a ANPC alerta para a ocorrência de “agitação marítima forte, com ondulação noroeste que poderá atingir os 16 metros na costa ocidental norte e centro e 14 a 15 metros na região sul até às 24:00” de ontem.

A Marinha Portuguesa alertou ontem a comunidade piscatória e as pessoas que circulam junto à orla costeira para a necessidade de cumprirem todos os procedimentos de segurança no mar e junto à costa devido ao mau tempo.

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), que colocou ontem os distritos de Viana do Castelo, Braga, Porto, Aveiro, Coimbra, Leiria, Lisboa, Setúbal, Beja e Faro sob aviso vermelho devido à agitação marítima, informou esta noite que “a agitação marítima forte que tem dado a origem a ondas que atingiram cerca de nove metros de altura significativa e 14 metros de altura máxima, durante a tarde de ontem, (…), irá manter-se com valores semelhantes até às primeiras horas do dia 7”. “Prevê-se que, na tarde do dia 8, a altura significativa das ondas diminua gradualmente para valores entre 4 e 5 metros e a altura máxima para valores entre 5 e 7 metros”, acrescenta o IPMA.

No Algarve, a atenção centra-se agora no período entre as 6h00 e as 7h00 de hoje, quando ocorrer de novo a maré alta, altura em poderão repetir-se as situações registadas esta noite.

O aviso vermelho está previsto para situações meteorológicas de risco extremo.

com Lusa

Pub