Pub

A União de Leiria alcançou a sua primeira vitória fora de casa no campeonato, enquanto a derrota reforça o penúltimo lugar do Portimonense na classificação.

As duas equipas cumpriram hoje os 38 minutos que faltavam jogar na partida interrompida no domingo, aos 53 minutos, por decisão do árbitro Rui Silva, de Vila Real, devido a um problema no abastecimento de energia elétrica, avaria que ainda não está resolvida.

Os dois conjuntos acordaram então entre si e com a Liga Portuguesa de Futebol, jogar o tempo restante nesta segunda-feira.

Aquando da interrupção, o Portimonense vencia por 1-0, com um tento apontado aos dois minutos, por Lito, assistido por Ricardo Pessoa, mantendo o domínio do jogo, e as melhores ocasiões de golo.

A União de Leiria não demonstrava capacidade para contrariar o melhor futebol dos algarvios, ao contrário do que sucedeu hoje, onde esteve bem melhor.

A equipa leiriense chegou ao empate, aos 55 minutos, na sequência de um pontapé de canto, finalizado pelo central Zé António, que desviou a bola ao primeiro poste batendo o guarda-redes Ventura.

Apesar de os algarvios terem construído duas oportunidades flagrantes de golo para voltarem a fazer funcionar o marcador, Candeias e Calvin Kadi isolados falharam o alvo, foi a União de Leiria a marcar e a virar o “placard” a seu favor.

Carlão antecipou-se à defesa algarvia e de cabeça bateu o desamparado Ventura, fixando o resultado em 2-1.

Lusa

Pub