Pub

O ciclista da Sky vai apontando os colegas como favoritos ao triunfo no alto, mas não põe de parte a defesa da camisola amarela durante a etapa que liga Castro Marim ao ponto mais alto da prova, numa distância de 194,6 quilómetros.

Num dia reservado às estrelas do pelotão, esperam-se ataques dos portugueses Tiago Machado (RadioShack) e Rui Costa (Movistar), assumidos candidatos ao triunfo nesta edição, assim como do vencedor do ano passado, Stephen Cummings (Sky).

Mas antes de chegarem ao alto do Malhão, referenciado com uma contagem de segunda categoria, os homens do pelotão terão de ultrapassar dois sprints intermédios, instalados aos 13,5 e aos 32 quilómetros, e quatro montanhas de terceira categoria, três das quais em menos de 20 quilómetros.

A primeira contagem será ao quilómetro 123, seguindo-se uma aos 130,7 e outra aos 139,7, com a última a anteceder a subida final, a 14 quilómetros da meta, que deverá ser atravessada às 16:26 horas.

Lusa

Pub