Breves
Inicio | Educação | Agrupamento de Escolas Pinheiro e Rosa entre os 10 do país que incluirão o Judo no desporto escolar

Agrupamento de Escolas Pinheiro e Rosa entre os 10 do país que incluirão o Judo no desporto escolar

O ministério da Educação assinou na terça-feira um protocolo com 10 agrupamentos escolares para que o Judo passe a ser uma modalidade do desporto escolar, um projeto que vai envolver, numa primeira fase, cerca de 200 docentes.

O projeto piloto “Judo na Escola” foi apresentado pelo ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, na escola Básica e Secundária D. Martinho Vaz de Castelo Branco, na Póvoa de Santa Iria, concelho de Vila Franca de Xira, distrito de Lisboa.

Além do Governo, este projeto será dinamizado pela Federação Portuguesa de Judo, Direção Geral da Educação e União Europeia de Judo, sendo que, numa primeira fase, irá desenvolver-se em 10 agrupamentos de escolas de todo o país, abrangendo crianças do ensino básico e secundário e cerca de 200 docentes, e no Algarve o agrupamento envolvido será o das Escolas Pinheiro e Rosa, em Faro.

Em declarações à agência Lusa, o ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, referiu que este projeto é “muito importante para valorizar o desporto escolar”.

“Estes protocolos são um excelente exemplo da convergência de interesses. Acreditamos que irá existir uma contaminação positiva que irá permitir desenvolver a prática da modalidade Judo através do desporto escolar”, sublinhou o governante.

Tiago Brandão Rodrigues destacou também a importância do Judo na transmissão de valores aos jovens, nomeadamente a sinceridade, coragem, respeito e autocontrolo.

Apesar da importância deste projeto, o governante ressalvou que ainda não existe uma previsão de quando é que este projeto poderá ser alargado a mais escolas portuguesas.

Além dos Agrupamentos de Escolas Pinheiro e Rosa e da Póvoa de Santa Iria (Vila Franca de Xira) irão aplicar este projeto os agrupamentos de Estremoz, Chamusca, Fontes Pereira de Melo (Porto), Cerco (Porto), Dr. Costa Matos (Vila Nova de Gaia), Júlio Dinis (Vila Nova de Gaia) e Baixa Chiado (Lisboa).

Os 10 agrupamentos envolvidos neste projeto piloto irão receber um “kit escola”, que inclui quatro livros, 20 manuais, 18 fatos de judo personalizados para alunos e um para professor.

com Lusa

Verifique também

Universidade do Algarve vai ter licenciatura em Bioengenharia

A Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade do Algarve (UAlg) vai ministrar a partir …