Breves
Inicio | Política | Ana Vidigal volta a encabeçar lista independente para a Câmara de Albufeira

Ana Vidigal volta a encabeçar lista independente para a Câmara de Albufeira

A advogada Ana Vidigal vai voltar a encabeçar a lista do Movimento Independente Viver Albufeira (VIVA) à presidência daquela câmara algarvia, depois de ter sido eleita como vereadora nas últimas eleições autárquicas, anunciou o movimento.

Em 2013, Ana Vidigal chegou a ser apresentada como candidata independente do CDS-PP à Câmara de Albufeira, mas depois distanciou-se do partido e foi a votos pelo VIVA, que conquistou um dos sete mandatos em disputa na autarquia.

Agora, o VIVA anunciou que a atual vereadora eleita pelo movimento vai “disputar novamente as eleições autárquicas marcadas para este ano” e “pretende ser uma alternativa inovadora para a gestão do concelho”.

“À imagem do que sucedeu em 2013, estamos a construir um projeto forte, credível, realista e passível de ser implementado, é uma candidatura plural, por Albufeira, pelas suas gentes, de todos e para todos”, afirmou Ana Vidigal, citada num comunicado do movimento independente.

A candidatura do VIVA vai ter como princípios a “independência, rigor, dedicação, transparência e verdade” e tentará promover “a crescente utilização de ferramentas que sirvam políticas promotoras de uma cidadania ativa e da democracia participativa”, acrescentou o movimento.

“Com afinco e determinação conseguimos implementar muitos dos nossos desígnios como, por exemplo, o orçamento participativo, mas também foi possível desenvolver um trabalho sistemático, de proximidade com os serviços e com as pessoas, motivo pelo qual se alcançaram excelentes resultados, com verdadeiro sentido de partilha na tomada de decisão, em áreas como o ambiente, as águas e saneamento, a proteção civil, a área social, a saúde, a segurança no trabalho”, disse a candidata.

Ana Vidigal considerou que “só assim se consegue construir uma Albufeira mais justa, solidária e unida em torno do desenvolvimento do concelho” e garantiu que vai trabalhar para “promover consensos e estabilidades em todos os órgãos autárquicos, contribuindo para uma atitude construtiva e em prol de uma melhor e mais eficiente governança local”.

“O Movimento VIVA encara este desafio, como um projeto de futuro, sustentável, direcionado para as necessidades efetivas da população, da juventude aos mais idosos, com enfoque na área social, na saúde, na igualdade de oportunidades, na educação, no emprego, no ambiente, na cultura, na segurança e na promoção do desenvolvimento económico e turístico. Uma vez mais, o compromisso é com Albufeira e com os albufeirenses”, acrescentou.

Ana Vidigal é a segunda candidata a anunciar que vai concorrer às eleições autárquicas em Albufeira, depois de o economista Ricardo Clemente também ter sido apresentado como o candidato do PS à presidência do município algarvio, que é atualmente presidido por Carlos Silva e Sousa (PSD).

Albufeira é um dos 16 municípios do Algarve e, atualmente, o PSD tem a presidência da câmara e três dos sete mandatos, enquanto o PS tem outros três e a lista independente encabeçada por Ana Vidigal conta com um.

Verifique também

Francisco Amaral reeleito em Castro Marim com maioria absoluta

O social-democrata Francisco Amaral foi ontem reeleito com maioria absoluta para a presidência da Câmara …