Pub

Foto © Samuel Mendonça

A presidente da Câmara de Silves, Rosa da Palma (CDU), vai recandidatar-se a um novo mandato nas próximas eleições autárquicas, para dar continuidade “ao projeto de desenvolvimento e de equilíbrio social”, anunciou a candidata comunista.

“A obra feita durante este mandato fala por si só, com melhorias significativas nas escolas, coletividades, bem como na rede de abastecimento de água e saneamento, intervenções decisivas na melhoria da qualidade de vida da população”, indicou Rosa Palma durante a apresentação da sua candidatura no sábado à noite, em Silves, numa cerimónia que contou com a presença do secretário-geral do PCP.

Rosa Cristina da Palma, de 45 anos, é formada em Biologia e Geologia, tendo lecionado no Agrupamento de Escolas Dr. Garcia Domingues, em Silves, e desempenhado o funções como vereadora antes da sua eleição para a autarquia, em 2013.

Segundo Rosa da Palma, a sua recandidatura à presidência do município, reveste-se de “crucial importância, para dar continuidade ao trabalho iniciado há quatro anos e que hoje é bem visível com reflexos na qualidade de vida no concelho”.

“Pretendemos reforçar a qualidade de vida, melhorar os serviços públicos, aproximando-os da população, com uma abordagem estratégica com rumo e soluções assentes em projetos exequíveis e rigorosos”, destacou.

A candidata crê que “é possível reforçar” a maioria da CDU na Câmara de Silves, apesar de antever uma campanha eleitoral “de desinformação, intriga, manipulação e boatos” dos seus opositores.

“É bom ter isto presente. Vamos assistir à desinformação e a manobras no sentido de impedir a CDU de reforçar a maioria na autarquia”, frisou.

Na cerimónia de apresentação da recandidatura de Rosa da Palma, a CDU apresentou também o cabeça-de-lista à Assembleia Municipal de Silves, que será Vítor Rodrigues, licenciado em direito que se candidata como independente.

Rosa da Palma tem como rival conhecido na corrida à presidência do município algarvio nas eleições autárquicas de 01 de outubro, o professor Rogério Pinto, que encabeça a lista do PSD.

Em 2013, a CDU venceu as eleições na Câmara de Silves com 34,68% dos votos (obteve três mandatos), o PSD alcançou 27,32% (dois mandatos), o PS 25,62% (dois mandatos) e o BE 5,09%.

No distrito de Faro, o PS lidera 10 dos 16 concelhos, sendo cinco liderados pelo PSD e um pela CDU.

Pub