Breves
Inicio | Política | Teresa Luz encabeça lista da CDU à presidência da Câmara de Loulé

Teresa Luz encabeça lista da CDU à presidência da Câmara de Loulé

Teresa Luz vai ser a candidata da Coligação Democrática Unitária (CDU) à presidência da Câmara de Loulé, anunciou hoje a coligação formada pelo Partido Comunista Português (PCP) e pelo Partido Ecologista “Os Verdes” (PEV).

A CDU informou ainda que, nas próximas eleições autárquicas de 01 de outubro, Carla Gomes vai encabeçar a lista da coligação à Assembleia Municipal de Loulé.

Teresa Luz, com 36 anos, é operadora de telecomunicações nos Bombeiros Municipais de Loulé e tem como principal objetivo, segundo a coligação, que a CDU volte a crescer em votação, como aconteceu em 2013, e consiga eleger representação para a Câmara algarvia, uma das 16 do distrito de Faro.

A candidata reside no concelho de Loulé, onde praticou atletismo em vários clubes, e esteve na Escola Prática de Transmissões, onde fez a sua formação militar, passando depois para o Núcleo Permanente do Centro de Instruções Quadro em Tavira, onde esteve durante seis anos como especialista de transmissões no exército português, segundo as notas biográficas de Teresa Luz divulgadas pela CDU no comunicado em que anunciou a candidatura.

“A CDU apresentar-se-á neste concelho com o seu projeto alternativo à gestão PS e PSD que desde sempre governou a Câmara Municipal de Loulé. Com uma intervenção muito diversificada ao longo dos últimos anos, a CDU, e as forças políticas que a integram, foi a voz dos trabalhadores e da população de Loulé. Assim foi e assim será no futuro, a CDU presente na defesa dos interesses da população de Loulé”, assegurou a Coligação Democrática Unitária.

Entre as áreas de intervenção que a CDU defende na candidatura de Teresa Cruz estão a “luta por melhores salários, contra o desemprego e a precariedade dos milhares de trabalhadores da hotelaria do concelho”, a “defesa dos serviços públicos, particularmente do Serviço Nacional de Saúde” ou a “defesa da construção do novo quartel da GNR em Salir”.

A “luta contra a extinção de freguesias”, a “exigência da requalificação da Estrada Nacional 125”, o “fim das portagens na Via do Infante” (A22), a “denúncia dos impactos da construção do IKEA para as pequenas empresas e para o emprego” do concelho e o “apoio aos pescadores e pela requalificação do Porto de pesca de Quarteira” são outras das áreas apontadas pela CDU.

A candidatura de Teresa Luz foi anunciada pela CDU no mesmo dia em que o Bloco de Esquerda (BE) deu a conhecer o nome do seu candidato à presidência da autarquia algarvia, que será o professor Joaquim Sarmento Guerreiro.

Ambos têm já como adversários conhecidos José Graça, escolhido como candidato do PSD à Câmara de Loulé, depois de Joaquim Guerreiro ter desistido de encabeçar a lista social-democrata por razões pessoais, e o atual presidente da Câmara, Vítor Aleixo, que se recandidata pelo PS.

O atual executivo municipal socialista liderado por Vítor Aleixo foi eleito nas autárquicas de 2013 com 48,34% dos votos, tendo assegurado cinco vereadores municipais e a maioria absoluta, face aos 34,94% dos votos e quatro vereadores alcançados pelo PSD.

Verifique também

Câmara de Loulé faz proposta para limitar urbanismo em zona central de Quarteira

O executivo camarário de Loulé vai propor, na reunião de hoje, a criação de uma …