Breves
Inicio | Igreja | Igreja do Algarve apresentou atividades destinadas aos jovens

Igreja do Algarve apresentou atividades destinadas aos jovens

Foto © Samuel Mendonça/Folha do Domingo

A Diocese do Algarve apresentou na passada sexta-feira à noite as atividades destinadas aos jovens, promovidas pelo Setor da Pastoral Juvenil, pelo Movimento dos Convívios Fraternos e pelo Centro Diocesano de Acólitos.

O encontro de divulgação do calendário de atividades decorreu no Centro Pastoral de Pera, com a participação de 30 responsáveis de grupos de jovens das paróquias de Algoz, Alvor, Lagoa, Moncarapacho, Monchique e Silves e teve início com a apresentação da equipa do Setor Diocesano da Pastoral Juvenil (SDPJ) que tem como coordenadoras Vânia dos Santos e Ana Mendonça e como assistentes os padres Nelson Rodrigues e Tiago Veríssimo.

Foto © Samuel Mendonça/Folha do Domingo

O programa para os jovens inclui neste ano pastoral a realização de uma oração ecuménica jovem, no dia 8 de fevereiro, e no dia 23 do mesmo mês uma Assembleia de Jovens em Fátima da responsabilidade do Departamento Nacional da Pastoral Juvenil.

Novidade será também a realização no Algarve da Peregrinação Nacional dos Jovens do Movimento da Mensagem de Fátima que decorrerá em Loulé, de 05 a 07 de abril no Santuário de Nossa Senhora da Piedade, evocada como Mãe Soberana. Embora promovido por aquele movimento, a iniciativa, com a participação prevista de 150 jovens a ele ligados, será aberto a toda a juventude algarvia.

Este ano irá realizar-se também mais uma edição do Festival Diocesano da Canção Religiosa, a ter lugar no dia 16 de fevereiro em Olhão e será retomada uma antiga atividade – as Férias Missionárias – que decorrerá de 14 a 18 de agosto em Cachopo.

A atividade de preparação para a Páscoa, que costumava realizar-se por vigararias, será este ano de caráter diocesano, ocorrendo no dia 9 de março para todos os jovens em conjunto.

Na apresentação do calendário de atividades, o padre Nelson Rodrigues considerou que o último ano, o primeiro ano do triénio pastoral da Diocese do Algarve dedicado à juventude, “não teve muita diferença relativamente a todos os outros anos pastorais”. O assistente do SDPJ disse querer que este “seja um ano já de mudança”. “Não uma mudança de 180 graus, mas de encetar novos caminhos, novas reflexões”, explicou o sacerdote.

“Damos muito pouco espaço ao Espírito Santo para agir na nossa pastoral e deixamos que os bispos, os padres e os responsáveis ajam demasiado. É preciso que os homens se calem para que Deus fale. Se para Deus falar tivermos de mudar estratégias, mudamos estratégias”, afirmou, lamentando haver “algum desânimo por parte daqueles que levam a juventude para a frente” na diocese.

Foto © Samuel Mendonça/Folha do Domingo

O sacerdote lembrou ainda que o SDPJ trabalha com jovens e não com adolescentes. “Não podemos fazer uma pastoral para jovens com adolescentes e crianças. E nós vemos que perdemos um bocadinho de qualidade nas atividades diocesanas porque promovemos as atividades para jovens e as paróquias trazem adolescentes”, lamentou, lembrando que “a idade mínima para participar são os 16 anos” e que existe o “Setor Diocesano da Catequese da Infância e da Adolescência que realiza atividades para os infantes e para os adolescentes”.

“Este ano vamos ser firmes neste aspeto. Parece-me que os jovens estão numa fase que precisam de seriedade, de critérios e quando eles veem os adultos e a Igreja a trabalhar de uma forma abandalhada não lhes dá gosto fazer parte desta família”, prosseguiu, adiantando que o SDPJ pondera a possibilidade de realizar “em simultâneo com a Jornada da Juventude” em Castro Marim, nos dias 12 e 13 de abril, “no mesmo sítio e à mesma hora”, “umas pré-jornadas para adolescentes de 14 e 15 anos”.

“Nada de pastorais de números, só para ficar bonito na fotografia ou para dizer que tivermos não sei quantas centenas a participar”, pediu, explicando também que participação nas atividades propostas deve ser feita com “discernimento”. “Se calhar, para um grupo pequenino, dar-lhes isto tudo mais a vida paroquial seria uma overdose espiritual. Para um grupo de jovens grande, em que nem todos participam em tudo, dá para se irem dividindo, cada um vai fazendo as suas experiências e vão-se enriquecendo em grupo”, sustentou.

O assistente do SDPJ lamentou ainda a “falta de espiritualidade” dos grupos de jovens e exortou ao conhecimento de Jesus. “Ou há a pessoa de Jesus Cristo e espiritualidade ou então tudo acaba. Por isso, quando pensarem em grupos de jovens nas paróquias, pensem em grupos que se reúnem para rezar, para refletir, para estar em silêncio diante do sacrário. Isto são hábitos que se tem de adquirir. Temos de os ajudar nesta dinâmica”, pediu, exortando também à colaboração com os párocos e à cooperação entre famílias e educadores cristãos.

Calendário 2017/2018

Outubro/novembro
31 a 03 – Convívio Fraterno
10 – 2º Encontro Preparatório para Jornada Mundial da Juventude (JMJ) 2019
24 e 25 – Retiro para Jovens Namorados
30 – Advento Jovem Vicarial

Dezembro
01 – Pós-Convívio
28 a 01 – Taizé, Encontro Europeu em Madrid

Janeiro
05 e 06 – 3° Encontro Preparatório para JMJ 2019
06 – Celebração de Envio dos Jovens para JMJ
19 a 29 – Jornada Mundial da Juventude Panamá

Fevereiro
08 – Oração Ecuménica Jovem (Pêra)
16 – Dia Desportivo do Acólito
16 – Festival Diocesano da Canção Religiosa (Olhão)
23 – Assembleia de Jovens em Fátima

Março
01 a 04 – Convívio Fraterno
03 – Abertura das inscrições para o Dia Diocesano do Acólito
09 – Quaresma Jovem Diocesana

Abril
05 a 07 – Peregrinação dos Jovens da Mensagem de Fátima à Mãe Soberana
06 – Pós-Convívio
12 e 13 -Jornada Diocesana da Juventude (Castro Marim)
18 – Missa Crismal, com participação dos Acólitos

Maio
01 – Peregrinação Nacional dos Acólitos a Fátima
04 e 05 – Fátima Jovem + Festival Nacional da Canção Religiosa
10 e 11 – Dia Diocesano do Acólito
11 – Encontro Diocesano dos Convívios Fraternos (Loulé)

Agosto/setembro
09 a 19 de agosto – Peregrinação a Taizé
14 a 18 de agosto – Férias Missionárias (Cachopo)
07 e 08 de setembro – Fátima Conviva

Verifique também

Bispo do Algarve visitou as paróquias da Conceição de Faro e de Pechão

O bispo do Algarve realizou de 8 a 15 deste mês a primeira visita pastoral …