Pub

Terminou na segunda-feira à noite o Convívio Fraterno 1401, promovido pelo Movimento dos Convívios Fraternos (MCF) da Diocese do Algarve.

A iniciativa para jovens maiores de 18 anos, promovida e dinamizada pela equipa diocesana do MCF, teve início na passada sexta-feira, 21 de fevereiro, e terminou na segunda-feira à noite na igreja de São Pedro do Mar, em Quarteira, depois de quatro dias vividos na Casa de Retiros de São Lourenço do Palmeiral.

O encontro, que procurou ajudar no primeiro apelo à fé, contou com 28 participantes oriundos das paróquias de Boliqueime, Ferragudo, Ferreiras, Fuseta, Loulé, Montenegro, Paderne, Portimão, Quelfes, São Bartolomeu de Messines, Sé de Faro, Silves e Tavira e também um seminarista algarvio.

A equipa diocesana do MCF, sob a direção espiritual do assistente, o padre António de Freitas, contou com a colaboração do padre Tiago Veríssimo.

O Movimento dos Convívios Fraternos apresenta aquelas iniciativas como uma oportunidade para os participantes se encontrarem “consigo próprios, com os outros e com Deus”.

Pub