Breves
Inicio | Miguel Neto

Miguel Neto

Bispo do Algarve confia nos cristãos algarvios para reconstruir Monchique

O bispo do Algarve, D. Manuel Quintas, disse hoje à Agência Ecclesia que as comunidades católicas se estão a mobilizar para ajudar a população afetada pelo incêndio que lavra em Monchique, desde sexta-feira. “A comunidade cristã tem colaborado muito, na escola, revezando-se em grupos no apoio aos bombeiros, sobretudo ao nível de mantimentos; a própria Cáritas Diocesana também já se …

Ler mais »

«Classe média da Santidade»

«A santidade não te torna menos humano, porque é o encontro da tua fragilidade com a força da graça.» São palavras fortes, mas simples e compreensíveis, como todas as que o Papa Francisco dirige aos cristãos, em mais uma exortação apostólica a que deu o nome de Gaudete et exsultate (Alegrai-vos e Exultai). Desafia-nos à santidade e a encontrar, nas …

Ler mais »

O Verão dos festivais ou os festivais de Verão

Eu gosto muito de música. Não tenho gostos convencionais, sobretudo não tenho os gostos que serão, para a maioria, expetáveis para um padre. As músicas da minha vida garantem que tenho uma escolha variada de bandas, que incluem Radiohead, Arcade Fire, Pearl Jam, Blur, Nirvana, Red Hot Chilli Pepers, Chemical Brothers, Orelha Negra, etc. Fui, ao longo dos anos, a …

Ler mais »

Pioneiros?!… Temos de ser todos nós!

Nestes últimos dias tenho vindo a refletir sobre o conceito de pioneiro. Se calhar, porque atravesso um momento pessoal de transformação, no que à minha condição de aluno diz respeito… Diz o dicionário, a propósito: «aquele que primeiro abre ou descobre caminhos; O que se antecipa na adoção ou defesa de novas ideias ou doutrinas; precursor». Na verdade, quem são …

Ler mais »

O Exemplo vem de cima!

«Mas, se tu me cativas, nós teremos necessidade um do outro. Serás para mim o único no mundo. E eu serei para ti a única no mundo…» O Principezinho, Antoine de Saint-Exupéry Nestes dias, para além das constantes hipócritas homenagens dos líderes políticos europeus às vítimas dos atendados em Paris (em vez de cessarem a venda obscura de armas aos …

Ler mais »