Breves
Inicio | Economia | Turismo | Trabalho “muito honesto” justifica primeira estrela Michelin para restaurante algarvio Bon Bon

Trabalho “muito honesto” justifica primeira estrela Michelin para restaurante algarvio Bon Bon

O chef Rui Silvestre (ao centro) com a sua equipa
O chef Rui Silvestre (ao centro) com a sua equipa

Um “trabalho muito honesto” e com “bons produtos” define a cozinha praticada por Rui Silvestre, responsável pelo restaurante Bon Bon, no Carvoeiro, que é distinguido com uma estrela do Guia Michelin Espanha e Portugal 2016.

A atribuição da primeira estrela a este restaurante algarvio é a novidade da edição do próximo ano, anunciada ontem à noite em Santiago de Compostela, na Galiza.

Em declarações à Lusa, o chefe de cozinha, Rui Silvestre, descreveu que a sua cozinha se caracteriza como “um trabalho muito honesto, uma cozinha pura”, onde se trabalha com “bons produtos” e com respeito por esses produtos.

Apesar de não esconder que uma estrela Michelin era um sonho, o chefe de cozinha afirma que “os prémios vêm com a qualidade”.

“Não trabalhamos para estrelas, trabalhamos para cliente, para fazer as pessoas felizes”, disse à Lusa.

Na sua cozinha procura escolher os melhores produtos e admite ter “a sorte” de encontrar “peixes e mariscos” de qualidade na região onde trabalha, o Algarve.

No entanto, assume que não é “fundamentalista” quando se trata de escolher produtos para a sua cozinha. “Quando posso, trabalho com produtos portugueses, melhor ainda”, disse.

A inspiração para criar pratos, disse, vem das suas vivências e de um trabalho conjunto com a sua equipa e com o dono do restaurante, Nuno Diogo.

Rui Silvestre chegou ao restaurante Bon Bon há cerca de ano e meio, depois de passar por restaurantes em França ou Hungria, quase todos com estrelas do “guia vermelho”.

Verifique também

Hoteleiros antecipam manutenção da taxa de ocupação mas subida de preços no verão

Os hoteleiros esperam que no verão a taxa de ocupação e a estada média sejam …